Viajante do tempo

17 mar

 

Oi pessoal, achei essa imagem de um quadro do Salvador Dali perfeita para ilustrar esse meu post. Ele reflete bem as loucura que aconteceram comigo com essa história de tentar entender o tempo. Mais ainda, entender esse negócio de viagem no tempo! Como disse no último post, vou contar como foi a minha experiência com o filme “A Máquina do Tempo”, indicado pelo professor Pedro. Não sei se fiquei impressionada com o filme ou  com essas coisas de experiências imaginárias, mas eu juro que encontrei o VIAJANTE DO TEMPO! Bom, talvez vocês não acreditem, mas foi tudo bem real.

 O viajante me falou sobre umas coisas de sincronizar o tempo e me disse que eu também poderia fazer viagens como ele. Me disse até que um dia, quem sabe, eu possa me encontrar com o EINSTEIN….hahaha.Imagina só, que loucura. Bom, não sei se eu peguei no sono e acabei sonhando, mas tudo isso me pareceu bem real. Para tentar entender melhor essa história de viagem no tempo eu me lembrei de outro filme bem legal, o “De volta para o futuro”. Nesse filme tem um cientista bem maluco tb….rs. Dá só uma olhada no trechinho do filme que encontrei:

Bom, mas continuo sem saber direito o que foi que aconteceu. Como é que eu fui encontrar o tal “viajante do tempo”. Resolvi pesquisar um pouco mais sobre esse negócio de viagens no tempo  e achei algumas coisas interessantes aqui na internet:

COMO CONSTRUIR UMA MÁQUINA DO TEMPO

VIAGEM NO TEMPO: TEÓRICAMENTE POSSÍVEL, TECNICAMENTE INVIÁVEL

 Aiai, preciso confessar que mesmo assim ainda não entendi direito essa história. Acho que só a minha tia Clau pra me fazer entender…pensando bem, acho que nem ela,  preciso mesmo é de umas aulas com o EINSTEIN…..hahaha. Bom, por hj é só gente.  Vou resolver aqui os exercícios de química e durante a tarde vou estudar um pouco  porque amanhã tenho aula de…FÍSICA!

Até! :))))

Anúncios

5 Respostas to “Viajante do tempo”

  1. Prof. Dr. José Fernando Mourão Cavalcante março 17, 2011 às 5:29 pm #

    Parabéns a UFSCar pela produção da Novela Interativa (VERDADES INVENTADAS).
    Tomei conhecimento desta brilhante iniciativa através do jornal on line da Agência FAPESP, de 16/03/2011.
    O pessoal do Laboratório Aberto de Interatividade (LABI) da UFSCar está de parabéns pela qualidade do site!
    São iniciativas como essa que justificam o dinheiro gasto dos contribuintes brasileiros, pago por meio de imposts.
    Continuem assim…Muito sucesso!

    • Laura março 18, 2011 às 2:14 am #

      Nossa, mais um professor no meu blog! E cientista como a minha tia! Prof. José Fernando, se você puder, mande um textinho, ou um link, sobre as suas pesquisas também, para eu publicar aqui… Pode ser para o meu e-mail, o labi@ufscar.br.
      Um beijo,
      Laura

  2. PA março 19, 2011 às 7:47 am #

    Laura

    Olhei aquelas páginas que a gente pode entrar ali noseu blog e achei isso aqui:

    Efeito “paradoxo dos gêmeos”.

    Vamos dizer que João e Maria sejam irmãos gêmeos. Maria viaja numa nave em velocidades altíssimas até uma estrela e regressa à Terra. João continua em casa. Para Maria, a viagem durou um ano. Mas, quando ela retorna, descobre que se passaram dez anos na Terra. O seu irmão está nove anos mais velho que ela. João e Maria não têm mais a mesma idade, apesar de nascidos no mesmo dia. Este exemplo, de certa maneira, mostra uma viagem no tempo, mesmo limitada. Maria deu um salto de nove anos no futuro da Terra.

    Você acredita nessas coisas de doido?

    • Laura março 19, 2011 às 5:32 pm #

      Olha PA, acreditar eu até acredito, mas entender já é uma outra história bem diferente… Tem um amigo da Tia Clau, que é físico, que sempre tenta me explicar essa história: eu até acompanho até uma parte, mas depois acho tudo bem surreal! Acho que só encontrando o Einstein para ver se ele consegue me explicar…

Trackbacks/Pingbacks

  1. Einstein, me ajuda! « viagensdalaura - maio 2, 2011

    […] teria despencado e nem quebrado o braço. Mas como voltar no tempo? Achei que descobriria com o Viajante do tempo , mas ele me enrolou e disse que eu já sabia como fazer isso. Juro que tentei, acho até que […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: