Tag Archives: Luz

Ciência Explica – “Como se forma o Arco – íris?”

12 dez
Anúncios

Venha para a 67ª Reunião Anual da SBPC – UFSCar – São Carlos

6 fev

“Luz, Ciência e Ação”. É este o tema central definido para a 67ª. Reunião Anual que acontecerá entre os dias 12 e 18 de julho de 2015 no campus da Universidade Federal de São Carlos, em São Carlos, SP. O tema escolhido é alusivo ao Ano Internacional da Luz, que em 2015 será celebrado em diversos países, por decisão da Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU), em reconhecimento à importância das tecnologias associadas à luz na promoção do desenvolvimento sustentável e na busca de soluções para os desafios globais nos campos da energia, educação, agricultura e saúde.

Mais informações em: http://www.sbpcnet.org.br/saocarlos/home/

O melhor blog do mundo

17 abr

Veja por que Albert Einstein Laurou

No dia 03/04, o Viagens da Laura foi apresentado como finalista da categoria melhor blog em português do mundo no concurso The BOBs da rede alemã Deutsche Welle.

A votação está pegando fogo porque o mesmo internauta pode votar todos os dias.

Albert Einstein, um dos grandes cientistas que apoiam o blog, revelou o motivo da escolha: “O blog da Laura é um bom exemplo de como usar a internet para fazer uma sociedade mais inteligente”.

Laure aqui você também. Vote aqui você também.

Velocidade da Luz

4 maio

Oi gente, td bem?

Descobri o segredo! A chave para a viagem no tempo está realmente nessa história do espaço-tempo do Einstein! Bom, mas deixa eu explicar melhor. Bom, a velocidade da Luz é absurdamente grande, 300 mil quilômetros por segundo! Imagine só isso…..rs.  Pra entender melhor por que a velocidade da luz é a chave para entendermos uma viagem no tempo dê uma olhada nesse vídeo bacana que eu achei:

Bom gente, então o que acontece é que  não é apenas o tempo que é relativo, mas o espaço também. Quando viajamos próximo a velocidade da luz as distâncias ficam mais curtas. Podemos dizer que o tempo é diferente para cada um, ou seja, passa mais devagar para um objeto que viaja em uma grande velocidade. O tempo deixa de ser absoluto e seu ritmo varia de acordo com a velocidade com que estamos viajando. Da mesma maneira, os espaços que nos deslocamos fica mais curto, para compatibilizar essa maneira mais lenta que o tempo está passando!

Mas tem um probleminha nessa história toda, só seria possível viajar para o futuro! Deixa eu explicar, para fazer isso a gente precisaria viajar em uma velocidade maior que a da luz, só que isso seria impossível pois não consiguiríamos energia suficiente pra isso! Quanto mais rápido viajamos, mas energia é necessário e fazendo alguns cálculos o Einstein descobriu que seria preciso de uma energia infinita pra isso, ou seja, não rola…..rsrs.

Bom, fui perguntar isso pra minha tia e ela disse pra eu dar uma pesquisada em umas coisas chamadas Buracos de minhoca e ler uns livros do Stephen Hawking. Talvez exista uma outra forma de voltar ao passado além de uma viagem acima da velocidade da luz.

Mas sabem de uma coisa, embora eu ainda não tenha a resposta exata, to adorando pesquisar essas coisas. Descobri umas curiosidades bem legais do Einstein, uma delas, por exemplo, é que ele era chegado em umas experiências imaginárias exatamente como eu…..hahaha.

Outra coisa interessante é que a teoria da relatividade do Einstein foi comprovada com um experimento realizado aqui no Brasil por alguns pesquisadores ingleses. Olha só que legal:

O eclipse do sol em Sobral e a Relatividade Geral

Bom, depois disso o próprio Einstein veio para o Brasil. Dá só uma olhada nos links que eu achei:

A visita de Einstein ao Brasil

Einstein no Brasil

A passagem de Albert Einstein pelo Brasil

Ufa, quanta coisa! Bom, já entendi um pouco melhor as teorias do Einstein e saquei que teoricamente é possível ir para o futuro de acordo com o que ele disse, agora só falta descobrir como ir pro passado. Quem sabe amanhã eu já tenha uma resposta. Até lá :)))

Newton, a luz e a maçã

21 mar

Oi gente, td bem com vcs? Como foram de final de semana?

Bom, como eu tinha prometido vou falar um pouco sobre o trabalho que eu e o Marquinho fizemos sobre o disco de Newton. Nós aprendemos, com aquela história toda do prisma da capa do disco, que a luz branca é composta pela sobreposição de todas as cores. Quando ela passa pelo prisma ocorre um fenômeno chamado dispersão, ou seja, a luz branca é separada em várias cores, tendo cada uma delas uma frequência diferente. Isso acontece porque quando a luz se propaga de um meio para outro de densidade diferente, por exemplo, do ar para o vidro do prisma, as ondas que têm frequências diferentes assumem ângulos também diferentes de refração. Então a frequência do vermelho é desviada para um ângulo x, a frequência azul para um ângulo y e assim por diante. O resultado disso é que cada uma das cores toma um caminho diferente e, portanto, podemos ver todo o espectro decomposto quando a luz sai do prisma. Olha só que massa:

Ahh, outra coisa muito legal é que isso ocorre na natureza! Sempre que um arco-íris se forma é exatamente o fenômeno de decomposição da luz atuando. As gotículas de água servem como prismas decompondo a luz que incide sobre elas formando aquela coisa linda no céu.

Bom, mas esse Newton era muito inteligente mesmo, apesar de ser meio mal-humorado, bom, mas deixa isso pra lá. A grande sacada foi a seguinte, ele pensou assim ó: se a luz branca é a junção de todas as cores e eu consigo dividí-las usando um prisma,  se eu agrupar essas cores de novo terei luz branca. Então ele bolou o experimento do disco de Newton, onde as cores são pintadas em um disco e quando a gente roda ele rapidamente elas  ficam sobrepostas e SURPRESA, a gente vê o disco ficar branco 🙂

Dá uma olhada:



Olha só, achei uma página bem legal que ensina a fazer o disco como eu e o Marquinho fizemos:

Construindo o Disco de Newton

Fazer esse trabalho foi bem legal viu pessoal, aprendi bastante coisa. Além disso, tive a nítida sensação que conhecia o Newton. Sabe, ele só falando de física e de matemática, meio nervoso e como todo cientista, bem maluco…posso até jurar que fui eu quem derrubou a maçã na cabeça dele…rs. Essas minhas EXPERIÊNCIAS IMAGINÁRIAS viu….qualquer dia vcs vão achar que sou meio doida, como o marquinho sempre fala…HUAHUAHUA. Mas quer saber, nem ligo e quanto ao Newton, ele é meio ranzinza mas é genial! Taí, virei fã dele.

Bom gente, espero que gostem do post de hoje e comentem. Bjinhos e até :)))