Tag Archives: Tia Clau

O incrível homem que calculava

15 mar

Oi gente, td bem?

Bom, estava quebrando a minha cabeça com uns problemas de matemática bem difíceis e estava pegando uma baita de uma birra com essa coisa de cálculos, equações e tals. Mas isso era um problema bem sério, como me explicou minha tia Clau, afinal, pra ser uma boa cientista eu preciso ser boa de matemática também!

Foi então que meu super avô me deu um livro super bacana, chamado “O Homem que Calculava”, do Malba Tahan:

O_HOMEM_QUE_CALCULAVA_1292760667P

Esse livro é demais. Ele conta as aventuras de um incrível matemático persa e de como ele resolvia os problemas mais complicados usando seu conhecimento dos números. Bom, depois descobri outros livros incríveis do mesmo autor, o Malba Tahan, que na verdade era um pseudônimo do Julio Cezar de Mello e Souza. Para saber um pouco mais sobre ele é só entrar no link abaixo:

MALBA TAHAN

Bom, tb achei um vídeo bem bacaninha com um trecho do livro. É uma animação bem diverdida 🙂

Espero que gostem! Estou esperando os comentários 😉

BJOKS

LAU

 

 

Anúncios

Calendário Maia

17 dez

Oi gente, td bem?

Estava com saudades de vcs! Mas olha só, esse final de ano foi muito puxado e precisei me dedicar mais aos estudos. Agora que as minhas lindas e sonhadas férias chegaram, prometo que vou me dedicar mais ao blog 🙂

Bom, resolvi fazer um post sobre esse tal “Calendário Maia”, afinal o pessoal só tem falado sobre isso e sobre aquelas baboseiras de fim do mundo e tals…

No final das contas, quando comecei a pesquisar sobre o assunto recebi um vídeo muito legal da minha tia, a Clau. O vídeo é daquele amigo dela que é  astrônomo, o Gustavo — já falei dele aqui. Bom, achei que o vídeo explicava tudo tão direitinho que me economizou algum tempo de pesquisa. Bom, segue o vídeo:

Espero que vcs entendam direitinho como funciona o tal calendário:) Qualquer dúvida vcs já sabem, é só me perguntar.

Bjoks e até!!

Lau

Por que a Lua não cai?

8 maio

Domingo passado tinha uma suuuuuuperlua no céu! Quem viu?
Pois é, eu vi e achei a coisa mais linda 🙂

Ela tava maior (pra ser mais precisa, 14% maior) porque ela tava perto do perigeu que é o ponto da órbita lunar mais próximo da Terra.

Achei um vídeo bem legal da BBC Brasil falando sobre isso, oh:

Mas como que a Lua passa no ponto mais próximo da Terra e não cai? o.O

Massa não atrai massa?

Foi então que eu resolvi ligar pra minha supertia Clau e ela me explicou: a Lua tem uma velocidade, ela não tá lá parada no Céu. A tendência da Lua é sair pela tangente  😛  FUGIR DA GENTE! Mas isso também não acontece porque a Terra fica “puxando” a Lua, então toda vez que ela tentar escapar, a força gravitacional puxa ela de volta e mantém ela em órbita ao redor da Terra.

Viu como a Física explica tudo? Fica tranquilo que a Lua não vai cair na sua cabeça!

Bjinhos!

LAU

Laura no Rádio e no The BOBs

27 abr

Oi pessoal, td bem?

Bom, espero que tenham gostado do meu último post!!! Esse é bem rapidinho, é só pra colocar a entrevista que dei no rádio. A entrevista foi no Programa Paideia — transmitido pela Rádio UFSCar. O arquivo completo do programa ainda não está na rede, mas pelo menos o trechinho da entrevista eu consegui. Para ouvir é só clicar no radinho aí de baixo:

Bom, espero que vcs tenham gostado. Não esqueçam de votar no blog lá no The BOBs !

Brigadinha pessoal,

Beijocas,

LAU

Lirídeas

18 abr

Oi pessoal, td bem com vcs?

Bom, tô naquela correria danada e tenho que correr para o inglês, mas com todos esses acessos eu não deixaria vcs sem novidades , né?!?!

Bom, o que acharam dessa imagem aí de cima? Linda né 🙂 Então, isso é um meteoro! Agora me responda, vc sabe a diferença de um meteorito para um meteoróide? Hummm……não? Bem eu também não…..rsrsrs. Aí já viu, fui correndo mandar um e-mail pra tia Clau — que tá fazendo umas pesquisas lá no Chile. Ela me explicou o seguinte: o que nós chamamos de meteoro é o fenômeno luminoso que ocorre quando algum objeto entra na atmosfera — isso ocorre pois, o atrito com a atmosfera faz com que ele queime! Bom, já os meteoritos são os fragmentos dessas “rochas espaciais” que chegam até o solo.

Legal, né? Bom, mas pra complicar, ela disse que também tem os chamados meteoróides….hehehe. Bom, nós chamamos assim os fragmentos que ainda estão no espaço, antes que eles entrem na atmosfera 🙂

Essa conversa virtual com a Clau me fez lembrar que eu já sabia de tudo isso…..rsrs. Tinha aprendido em uma exposição que eu visitei e  tinha vários meteoritos expostos. Olha só a foto que eu tirei de alguns deles:

Essa exposição era super legal, até já fiz um post sobre ela. Ela também tem um blog legal, acesse nesse link: memoriasdeumcarbono

Mas não para por aí! Todas essas dúvidas  surgiram quando descobri que teremos uma chuva de meteoros nesse final de semana. É a chuva da Lirídeas! Bom, a tia Clau, pra variar, já sabia disso e recomendou esse vídeo bem bacana do Gustavo. Ele explica direitinho como observar a chuva 🙂

É isso gente. Amanhã posto mais novidades. Não esqueçam de me ajudar no The BOBs!!!!!

Bjocas,

LAU

Nada se perde…

19 abr

Oi pessoal.

Bom, como vocês viram no meu último post, eu fiquei pirando com essa história do Lavoisier e da Lei da conservação das massas. Bom, essa lei diz o seguinte:

Em um  sistema fechado, quando duas ou mais substancias reagem entre si, a massa total dos produtos é igual a soma das massas das substâncias reagentes. Quando ocorrem essas reações, não há criação nem perda de massa. O que acontece é que as substâncias reagentes são transformadas em outras substâncias. Falando de outra forma: “Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se tranforma”….:)
Eu fiquei pensando, pensando e descobri que é exatamente isso que fazemos na reciclagem. A gente pega uma coisa que já usou, como uma latinha, por exemplo, e tranforma ela em uma latinha exatamente igual, ou quem sabe em outra coisa, como alguns parafusos. Tem também as garrafas PET que são transformadas em vassouras e até em camisetas! Olha só que site bacana que eu achei:
Bom, mais essa é fácil de entender né?!?! Fica mais legal quando a gente pensa nas transformações que ocorrem com o material orgânico. Vou explicar melhor! Quando a gente trata direitinho os restos de comida, por exemplo, fazendo a compostagem desse material, o que acontece é que vários organismos vão se alimentar desses restos de alimentos TRANSFORMANDO todo esse material e disponibilizando novamente seus  nutrientes para serem reutilizados por outros organismos.
Reciclando e compostando o lixo que a gente produz, ele deixa de ser um problema tão sério para o ambiente. Pense comigo, se a gente faz esse tipo de coisa, não manda tanto lixo para os aterros sanitários e eles podem ser utilizados por muito mais tempo. Além disso, adotando essas práticas a gente ajuda em muito a diminuir a poluição.
Até achei um vídeo legal que ensina fazer uma composteira em casa:
Conversando sobre isso com a minha mãe, ela disse que não basta só reciclar. A gente precisa adotar o princípio dos 3R’s.

Vou explicar cada um desses R’s. O primeiro, REDUZIR, diz respeito ao nosso consumo e é o mais importante de todos. A gente precisa consumir menos pois vivemos em um planeta cheio de recursos finitos, ou seja, acabou já era….rs. Também temos muitos recurso renováveis, só que eles precisam de um certo tempo para se regenerarem. Quando a gente consome muito, compra muito, gasta muito, não dá tempo dos ciclos naturais se completarem e eles acabam se exaurindo.

O segundo R é de REUTILIZAR. Você já pensou quanta coisa a gente acaba jogando fora e depois de um tempinho sente falta? Ou ainda alguma coisa que a gente não usa mais pra fazer tal coisa, mas que poderia ser utilizada para fazer outra?Outro dia mesmo, minha tia Clau pegou várias caixas de madeira, daquelas de feira, pintou com uma cores muito massa e transformou tudo em uma estante de livros. Pensa comigo, pra fazer aquelas caixas cortaram algumas árvores e elas depois de pouco uso iriam para o lixo. Para fazer uma estante nova, tb precisariam cortar algumas árvores. Utilizando as caixas pra fazer a estante, minha tia evitou o desperdício daquele material e ainda evitou que mais algumas árvores fossem cortadas para fazer uma estante nova. Além disso, ela economizou uma grana…..hehehe.

Por último, tem o R da RECICLAGEM. Esse também é importante, pois tem muita coisa que a gente não consegue reduzir e nem reutilizar, então a gente manda ele para a reciclagem para que ele seja tranformado em outros produtos.

Eu fui dar uma pesquisada no tema e descobri que tem até mais R’s, só que a coisa vai complicando muito. Então vou entender melhor e depois conto pra vcs.

Ah, esqueci de contar, eu e minha mãe fizemos um presente bem bacana pro Marquinho reutilizando várias coisas que a gente tinha e não usava mais. Ficou lindo e, além disso, nós colaboramos com o meio ambiente tb. O Marquinho adorou. Bom, na verdade acho até que mais do que eu imaginava, mas isso é uma outra história. :)))

Os tentilhões

15 abr

Oi gente!

Bom, como eu tinha falado ontem, vou tentar explicar um pouquinho como é que funciona esse negócio de seleção natural e de evolução. Pra facilitar um pouco vou usar o exemplo dos tentilhões que o Darwin encontrou quando sua viagem à bordo do Beagle passou pelas Ilhas Galápagos.

Bom, Como minha tia sempre diz, provavelmente na ciência as perguntas são mais importantes que as respostas! E foi justamente à partir de uma pergunta que o Darwin desvendou o mistério dos tentilhões e, além, da origem das espécies.

 Ao se deparar com a enorme variedade de tipos distintos de tentilhões que habitavam ilhas diferentes do arquipélago, darwin se fez a seguinte pergunta:  “Se os animais e plantas tinham sido criados da forma como são hoje , porque espécies distintas, porém semelhantes, como as de tentilhões de Galápagos, estariam restritas a ilhas específicas , e não distribuídas igualmente por todo o arquipélago, ou ainda por todo o mundo?

Uma forte evidência para responder tal pergunta foi encontrada por ele quando observou atentamente os bicos dos tentilhões.Darwin notou que, embora todas as espécies fossem muito parecidas, cada uma delas  tinha um bico adaptado a um tipo de alimento. Observando mais atentamente notou que, por exemplo,  a espécie com o bico adaptado para comer sementes estava na ilha com mais sementes, já a espécie com o bico adequado a se alimentar de insetos estava na ilha com mais insetos.

Olha só gente, achei uma imagem com todos os tentilhões estudados pelo Darwin, percebam a diferença nos bicos deles:

Mas continuando, O Darwin concluiu que essas espécies só poderiam ser tão semelhantes se tivessem vindo de um ancestral comum. Ele pensou assim:  uma espécie de tentilhão comum veio do continente e colonizou todas as ilhas do arquipélago, portanto, todos os tentilhões das ilhas eram da mesma espécie…com o passar do tempo, alguns indivíduos que apresentavam mutaçãoes naturais iam obtendo alguma vantagem seletiva sobre outros. Alguns deles, por exemplo,  apresentaram bicos melhores para se alimentar de sementes na ilha que tinha muitas sementes.

Então com a pressão da seleção natural esses indivíduos foram subjugando aqueles menos adaptados e, com o passar do tempo, todos os tentilhões daquela ilha específica possuíam aquela característica, ao passo que os das outras ilhas iam sofrendo um processo idêntico que, no entanto, favorecia, por exemplo, aqueles indivíduos com bicos mais adaptados a se alimentar de outro tipo  alimento, como por exemplo, de insetos, mais abundante em outra ilha. 

Com o tempo, aqueles dois passarinhos que usamos de exemplo já eram tão diferentes um do outro que não podiam nem mais se reproduzir, portanto, tornaram-se espécies distintas, apesar de terem lá atrás, um ancestral comum.

O mais legal dessa história toda é imaginar que esse mesmo processo ocorreu com todos os seres vivos! Então, isso respondeu uma pergunta que me fiz outro dia: Como é que surgiram tantas espécies no mundo?

Legal isso né gente? Bom, como hoje é sexta, vou deixar vários vídeos interessantes aqui. Os 2 primeiros são de uma série bem legal sobre o Darwin, produzida pela BBC. Tem vários outros episódios tb, é só procurar no Youtube.

Bem, vocês se lembram que eu contei que o Darwin passou pelo Brasil? Achei um vídeo bem bacana que fala sobre uma expedição para repetir o roteiro que ele fez por aqui:

Gente, por hj é só! Espero que minha explicação sobre a evolução tenha ajudado :)))

Espero os comentários! BJKS

Biodiversidade

13 abr

Oi gente, td bem com vcs?

Bom, depois de ficar pirando com a tal da tartaruga do Zenão, fiquei com vontade de ver uma tartaruga de perto e fui ao zoológico com a minha tia e com o Marquinho. Durante o nosso passeio eu vi, além da tartaruga é claro, muitas espécies de animais como o Lobo – Guará, a Onça-Pintada , o Macaco-Aranha e até um tal de Urso-de-Óculos que eu nem conhecia e por isso vou colocar a foto aqui:

Além destes animais que eu falei, vi muitos outros. Lá tinha um montão de espécies diferentes, não só de animais, mas também de plantas. Fiquei encanada com essa história, afinal quantas espécies existem? Perguntei pra minha tia e ela me disse que são tantas que nem os próprios cientistas sabem ao certo o número exato. Só de insetos, ela disse que existem cerca de 900 mil espécies descritas pela ciência, mas que algumas estimativas dizem que podem existir cerca de 10 milhões! Imagine então quantas espécies existem no total considerando todos os grupos! Fiquei chocada…rs.

Bom, ela me disse também que muitas destas espécies foram e ainda são extintas sem que a gente sequer fique sabendo de sua existência. E depois que uma espécie se extingue, já era! Não dá pra trazer de volta. Triste isso né? A Clau me falou que esse conjunto todo de espécies, junto com a sua carga genética e tb com os seus ambientes constituem o que os cientistas chamam de BIODIVERSIDADE . Ela tb falou que as preocupações com a Biodiversidade, no entanto, não devem ser só dos cientistas, mas tb da gente! Afinal, nós próprios fazemos parte dessa Biodiversidade e qualquer problema que  uma ou outra espécie sofre acaba afetando a gente tb. Afeta, como a Clau falou, toda a teia da vida da Terra.

Depois que ela disse isso eu fui pesquisar um pouco e achei um site legal. Nele tem vários links interessantes sobre esse tema:

O que é Biodiversidade?

Legal né? Mas olha só, pra gente entender ainda melhor é bom assistir esse vídeo:

Também descobri que esse tema é tão importante que o ano passado (2010) foi declarado o Ano Internacional da Biodiversidade pela ONU. Bem, mas outra coisa me deixou encucada: Como é que surgiram tantas espécies no mundo? A minha tia me explicou que tem algo a ver com a evolução e com uma teoria que foi elaborada por um tal de Darwin, mas isso eu deixo pra contar no post de amanhã!

Até gente…

Bjkas

Madame Curie

7 abr

Oi gente, td bem? Como eu tinha prometido, hj o post é sobre a MARAVILHOSA Madame Curie. Preciso confessar uma coisa, quebrar o meu lindo bracinho teve uma coisinha positiva: Conhecer essa grande cientista!

Bom, a Marie Curie , como a minha tia me disse, além de ser uma cientista brilhante, foi uma mulher pioneira ao desafiar muita gente que acreditava que ciência era coisa de homem. Como a Clau diz, ela foi uma baita de uma feminista! Madame Curie, como era chamada, dedicou-se a estudar a radioatividade e os materiais radioativos. Isso lhe rendeu 2 Prêmios Nobel, um de Física, junto com o seu marido Pierre Curie e com o Henri Becquerel pela descoberta da radioatividade e outro de Química, algum tempo depois, pela descoberta dos elementos químicos Rádio e Polônio, este, aliás, batizado em homenagem à terra natal de Madame Curie, a Polônia.



Além desses prêmios, ela também foi a primeira mulher a liderar um grupo de pesquisa e a lecionar na Universidade de Sorbonne, em Paris. Durante a Primeira Guerra Mundial ela não perdeu tempo! Convenceu os franceses a construírem pequenas unidades de radiologia portáteis que pudessem ser carregadas em ambulâncias ajudando os médicos nos campos de batalha. Dizem até que ela ia para o front ajudar nas radiografias!

Ah, essas ambulâncias foram apelidadas “Petit Curies” em homenagem à ela. Olha só, achei até uma foto dela pilotando uma dessas geringonças:

A Madame Curie foi ao longo de suas pesquisas percebendo que a radiação poderia ser útil no tratamento de doenças como o Câncer e, até incentivou a sua filha Irene — que também ganhou um Prêmio Nobel — a pesquisar mais  sobre esse assunto. E é aí que tive uma surpresa! Pesquisando sobre isso descobri que Mãe e filha visitaram o Brasil em 1926 para conhecer o Instituto do Câncer de Belo Horizonte. Dá só uma olhada:

A histórica visita de Marie Curie ao Instituto do Câncer de Belo Horizonte

Gente, mas ainda não acabou! Em 1928 ela visitou Águas de Lindóia para estudar as pópriedades da água das famosas fontes daquela cidade. Descobriu que elas possuiam uma radioatividade elevada e boa para o organismo. Curioso né? Bom, mas vocês ainda não sabem o que vem pela frente….hehehe.

Eu sempre falo que esse negócio de ciência é cheio de coincidências e conexões fantásticas, mas essa é demais. Com  base na descrição química da água de Lindóia que a Madame Curie fez, a NASA escolheu essa água para ser utilizada na missão Apollo 11, aquela que levou o homem pra Lua pela primeira vez! Isso mesmo, a água foi escolhida porque tinha radioatividade elevada, era diurética e além disso tinha pouca acidez e era de rápida absorção pelo organismo. Ahhh, além de servir para o consumo dos astronautas, essa água também foi usada nas baterias do foguete Saturno 5 que levou a missão aos céus!  

Bom, vocês não devem estar acreditando nessa história maluca né? Afinal, acho que nem o Júlio Verne poderia prever isso…hehehe. Mas pra provar que é verdade, consegui uma cópia da notal fiscal de venda das garrafinhas de água pra NASA:

Viram só! Nem minha tia Clau vai acreditar quando ver isso….rsrs. Bom, mas voltando à Madame Curie, ela acabou descobrindo tarde demais que a radiação não tinha só aspectos benéficos. Depois de anos de exposição à radiação, ela ficou gravemente doente e morreu de Leucemia.

Bom gente, achei aqui uma série de vídeos sobre a família Curie! Vale a pena ver:

 


Bom gente, por hoje é só! Espero os comentários e se alguém souber mais alguma coisa da Madame Curie, por favor compartilhe comigo :)))

Bjks e até…

O “X” da questão…

6 abr

Oi gente, td bem? Bom, eu tô mais ou menos né!?!?! Ainda meio encanada com o meu braço engessado. Esse negócio coça demais…hahaha.

Então, comentei com vcs que tive que tirar uma radiografia né? Achei todo aquele negócio de Raio X muito estranho, tava até com medo…rs. Bom, mas aí a Tia Clau me explicou direitinho como é que esses raios são produzidos. Bom, ela me disse que quem descobriu o Raio X foi um Físico chamado Wilhelm Rontgen, em 1895, e logo depois já começou a ser utilizado pelos médicos pra “enxergar” os ossos dentro do nosso corpo.

Bom, mas deixa eu explicar: esses raios  são emissões eletromagnéticas semelhantes à luz, só que em termos de energia são muito mais fortes. Além disso, eles tem um comprimento de onda muito menor, por isso é que não são visíveis.

Minha tia disse que ele são produzidos quando um elétron é disparado contra um átomo, quando esse elétron se choca, ele pode dispersar  um dos elétrons que estavam orbitando esse átomo. Bom, quando isso ocorre, o elétron vai para uma camada eletrônica mais externa, mas rapidamente volta para preencher a lacuna deixada na sua órbita original, só que quando isso acontece ele precisa liberar energia e faz isso emitindo um fóton, que nesse caso é o nosso Raio X. Legal né?

Pra facilitar, a Clau disse que a gente pode explicar assim ó: “O Raio X é produzido por uma desaceleração rápida de partículas carregadas a alta velocidade. Sempre que um feixe de elétrons se chocar com um obstáculo ele vai produzir Raios X”. Essa minha tia é o máxino….hehehe.

Mas vamos continuar, agora falta saber por que o Raio X imprime a imagem dos ossos na radiografia. É o seguinte, as ondas de Raio X são retidas por materiais muito densos como os ossos. Já os tecidos moles são pouco densos, então as ondas atravessam com facilidade.

Bom gente, pra facilitar eu achei ums links interessantes sobre raio x pra colocar aqui:

Raios X

Física e Raio X

Sei que é um pouco complicado de entender isso, então pra dar uma descontraída vou colocar um vídeo dos Flintstones que meu pai adora (ele vai me matar quando ver que entreguei ele aqui…hahaha). Bom, nesse vídeo o Fred leva o Dino pra tirar uma radiografia no veterinário! Imagine só, radiografia na idade da pedra…..rs.

Pessoal, agora vou indo. Mas esse negócio de Raio X, radiação e tal não para por aqui. Minha tia me falou umas coisas sobre a Marie Curie que prometo postar aqui amanhã. Bjks e até :)))